Mercado de transferências tem colaborado com objetivo de arrecadação do Inter

Quando analisado apenas o fato de que o Internacional tem o objetivo de arrecadar R$ 74 milhões apenas no quesito de negociação de jogadores segundo o balanço apresentado pelo clube no último dia 19 de junho, parece uma quantia bastante otimista ao extremo.



Todavia, quando feita a soma de todas as possibilidades que o mercado de transferências tem apresentado a jogadores pertencentes ao Colorado e que estão em grande parte já fora do plantel comandado por Odair Hellmann, a expectativa é de um objetivo bastante possível.Contabilizando apenas os números de negócios já concluídos referentes ao lateral-esquerdo Iago (negociado 75% dos direitos por R$ 20 milhões com os alemães do Augsburg-ALE), bem como o meia Valdívia (atualmente no Vasco e emprestado antes ao Al Ittihad-ARA) e o centroavante Maurides, contratado pelo Chanchun Yatai-CHN e com base feita no Inter, o clube soma R$ 26 milhões.



Pensando ainda nas tratativas que se demonstram mais avançadas, existe a previsão de um adendo substancial.



Isso porque o volante Eduardo Henrique, emprestado ao Belenenses-POR, interessa aos também portugueses do Sporting (R$ 4 milhões), o “cria” do Colorado Rogerinho pode sair da Juventus para o Chelsea (R$ 7,2 milhões por 20% que ainda pertencem a equipe brasileira) e o atacante Marcinho, emprestado ao Fortaleza, tem sido vinculado a uma transação rumo a China pela quantia de R$ 4 milhões. Totalizando, assim, R$ 41,2 milhões, pouco mais de 55% do montante.

Veja Abaixo mais Postagens sobre Esporte que Separamos para Você!

You may also like...

Scroll Up